.

The freewheeling

sábado, 11 de abril de 2015

Olaria das Letras 12

Saiu hoje o jornal literario "Olaria das Letras" a edição de número 12 eu tive existo no concurso de poemas com o poema; "Esse veneno vence?" públicado na página 9, confiram no link e não deixem de visitar o blog e a página do facebook do jornal.

sábado, 4 de abril de 2015

sobre quando você acorda no meio da noite!

   Acabei de acordar de um pesadelo, um besadelo macrabo, acabei de acordar ensopado de suor gelado, suor de medo e terror. No meu pesadelo estou em uma casa, ou uma estrutura de uma casa, apenas paredes por todos os lados, sem telhado, sem janelas e portas, apenas paredes para todos os lados. Não consigo ver o horizonte, sempre há uma parede na frente para me atrapalhar. Eu tenho apenas uma blusa velha para me aquecer, essa blusa está bem surrada, bem suja, mas ela me ajuda, ela me salva. O vento corta meu rosto, com força, eu sinto a dor dos cortes secos. Eu ando constantemente por essa casa, ando e ando sem parar, as paredes ora são grossas, ora são finas. Eu já estou cansado de andar pela casa e não achar uma saída, estou cansado desse vento infernal que não para. Uma voz ecoa pela casa, uma voz doce, reconfortante, acolhedora, ah que voz! A voz parece ser a minha solução, finalmente, há alguém vindo para salvar a minha vida! Talvez agora eu durma, talvez eu morra, talvez eu tenha paz, essa miséria será suficiente? A voz continua, ela ecoa e se comunica comigo, eu grito em resposta, grito com força, meus pulmões e minha garganta doem, mas eu grito e grito! Ela continua me respondendo, o vento é gelado, muito gelado.
  Então a voz para, a voz termina seu discurso, a voz finaliza me pedindo, algo muito importante, talvez o mais importante da minha vida, ela me pede meu casaco, meu único casaco, a única coisa que me mantem vivo nessa casa de tormenta e fúria. Eu hesito, mas não resisto, a voz é mais forte do que eu, a voz é promessa de vida nova, ela insiste, pede minha blusa, eu tiro, a levanto no ar, o vento sopra mais forte e eu solto. Minha blusa, ela voa pela casa, batendo em paredes, indo de um lado para o outro, eu assisto a tudo isso, até que ela sobe, sobe, sobe. E some, o vento levou minha blusa embora. Minha única blusa. Agora eu estou sozinho na casa, sem blusa com o vento me petrificando e a voz se foi. Eu grito, eu imploro, mas nada da voz voltar. A voz se foi com minha blusa, a casa, as paredes geladas e o vento ficara comigo. Meus sonhos não são o que deveriam ser... como estou desabando....

quinta-feira, 2 de abril de 2015

sem tempo 1

E ai cara tudo bem?
É faz tempo que eu não passo por aqui não é?
Então, minha vida tá uma correria, muitas coisas para fazer, muitas ideias na cabeça... como um vulcão em erupção... doidera...
Mas vou te contar algumas coisas:

Primeiro que o "selo" Sei Lá Zines e Publicações Independentes está a todo vapor. Já foram publicadas as duas tiragens do zine ECO, a primeira com capa feita a mão e limitado a 100 cópias, já a segunda com a impressão intera feita em Off-set (capa p&b). Também a publicação do zine "O corpo humano é" e em breve (dia 18 mais precisamente) a publicação do zine "Dylan Dog e o Vampiro de Osasco" no evento Sampa Fumetti Con no CEU Vila Rubi na zona sul de SP. Os planos para o futuro são mais 3 publições no segundo semestre de 2015 e buscar novos espaços para os zines e publicações independentes. Caso você queira aquirir ou saber mais sobre o Sei Lá Zines acompanhe a página aqui.
Seguem imagens dos zines:




Zine ECO primeira tiragem, processo de facção da capa à mão.


Zine "O corpo humano é"


Zine "Dylan Dog e O Vampiro de Osasco"

Além disso o que eu posso te contar meu amigo???
Oras muitas coisas, afinal muitas coisas acontecem todos os dias não é?
Tenho estudado muito... nunca achei que o Design de Interiores fosse me consumir tanto. É bem trabalhoso, tudo exige pensamento e detalhe. Muita cobrança, muito trabalho. Mas estou levando, sem muito tempo para relaxar (e muitas dores musculares).
 As artes estão de boa... estou levando no banho maria....
Mas ainda assim encontro tempo para desenhar e ler entre os afazeres....
Li algumas coisas esses tempos, como por exemplo aquele livro do Washington Olivetto
"Corinthians X os Outros"
Um livro incrivel, não só para conrinthianos, mas para amantes de futebol também... 
Conheci mais dos ícones e das histórias desse esporte que mexe comigo como nenhum outro....
Também li a ultima edição do Hellboy lançada (aquela capa dura)
Acho que se chama Tomenta e Fúria (algo assim)
Mike Mignola é um gênio da nona arte... sinceramente... que arco fabuloso... e o artista que desenhou td... Duncan Fegredo me enganou perfeitamente... desde a primeira parte do arco, Caçada Selvagem fiquei apaixonado pelos cenários e estava comentando com todos "O Mignola destuiu nessa Caçada Selvagem" crente que era o Mignola desenhando... no fim era o Duncan e por isso senti diferença.... enfim formidável!!!
Vi algumas coisas também... como por exemplo a primeira temporada da série animada "Samurai Jack" muito boa... vale a pena conferir... quis até fazer uma animação.....
Acho que o sono vem chegando ai.... uma próxima oportunidade eu passo por aqui para contar o que mais andei fazendo... para me despedir deixo duas páginas do meu sketchbook.... vlw: